Equipe

Nuria Pons Vilardell Camas

Coordenadora Geral do Projeto Experimental LABORATÓRIO DE CULTURA DIGITAL Educação: Currículo, no eixo Tecnologias e Educação (2008) PUCSP, Mestre em Educação no Ensino Superior , no eixo Educação a Distância e Formação de Professores (2002) PUCC. Atua no Ensino Superior na Graduação, Pós Graduação e extensão no eixo de Cultura Digital e Formação de Professores e Tecnologias e Educação. Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/1204848228722615

Mário Messagi Júnior

Professor do Departamento de Comunicação da UFPR desde 1997, é mestre em Letras/Lingüística pela UFPR e doutor em Ciências da Comunicação pela Unisinos. Defendeu tese de doutoramento em 2009, sobre linguagem e história da imprensa no Brasil. Foi assessor de Comunicação da UFPR de fevereiro de 2009 a julho de 2012. Atualmente, é conselheiro do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão.

João Paulo Mehl

Coordenador de cultura digital do Laboratório, integrante do Coletivo Soylocoporti, uma organização que atua na área da cultura e comunicação na perspectiva da integração latino-americana, tendo como foco ações na área da Cultura Digital. É coordenador de Cultura Digital no grupo de trabalho Cultura Viva Comunitária para América Latina. Já coordenou dezenas de projetos web de georeferenciamento, democracia digital, comunicação e gestão para organizações sociais e culturais.

Erico Massoli

É professor universitário, bacharel em Administração/UFPR e mestre em Sociologia/UFPR pesquisando políticas culturais e, em especial, investigou o Programa Cultura Viva e a rede dos Pontos de Cultura do Paraná. É fundador do Coletivo Soylocoporti e atualmente é coordenador Executivo do Laboratório de Cultura Digital.

Daniel Ikenaga

Coordenador Administrativo e Financeiro do Laboratório de Cultura DIgital. Cursou Design e Pedagogia na UFPR. Atualmente cursa Estatística, também na UFPR. Foi representante discente nos Conselhos Superiores por três mandatos. Representante do CEPE no FDA e na Comissão Própria de Avaliação por dois mandatos. Integrou o Comitê Executivo de Cultura, comissão elaborativa das Políticas de Cultura da UFPR. Participou de vários projetos de Extensão pelo Setor de Educação.

Rachel Callai Bragatto

Rachel Bragatto é jornalista, possui mestrado em Sociologia e é doutoranda na UFPR. Pesquisa temas como democracia digital, participação política, cultura cívica e cibercultura. É uma das fundadoras do Coletivo Soylocoporti (www.soylocoporti.org.br) e do Intervozes - Coletivo Brasil de Comunicação Social (www.intervozes.org.br), organizações de direitos humanos que desenvolvem ações nos campos da comunicação e da cultura.

Phillipe Trindade

Analista de Mídias Digitais

Lucas Titon

Lucas Titon é formado em publicidade mas repudia o mercado, por isso rouba e aprimora suas estratégias para que se adaptem aos movimentos, gerando uma comunicação de qualidade que serve às lutas sociais. No Laboratório é o responsável pela direção de arte e identidade visual dos materiais.

Gustavo Castro

Documentarista e educador popular, já realizou mais de 30 documentários no Brasil e países como Bolívia, Argentina e Venezuela. Em 2012 recebeu o prêmio Agente Jovem de Cultura oferecido pelo Ministério da Cultura por trabalhos realizados com comunidades indígenas do Alto Rio Negro na Amazonia e comunidades quilombolas no norte do Paraná. É um dos fundadores do Coletivo Soylocoporti, foi um dos coordenadores do Pontão de Cultura Kuai Tema no período de 2009 à 2010, projeto conveniado como Ministério da Cultura e com o objetivo de oferecer formação em Cultura Digital para agentes culturais em todo estado do Paraná.

Julliana Deon

Tiago Stamato

Formado em Comunicação Social pela UFPR, atua no Lab na equipe de Comunicação, na gestão de redes sociais e elaboração de websites, dando acessoria e potência aos movimentos no aprimoramento de suas ferramentas de comunicação digital. Tem vontade de conhecer quantas culturas tiver oportunidade e acredita nesse tipo de experimentação como fundamental para a compreensão e convívio entre diferentes povos. "Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser. Que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver” Amyr Klink

Thiago Lavado

Estuda jornalismo na UFPR e atua na área de comunicação e redes sociais no Lab. Gosta de Hardcore, Ska-Punk, livros livres, boas conversas e de descobrir mais sobre como o mundo realmente funciona. Abstêmio por opção, não acredita em álcool, cigarro, drogas, carne e deus. Mas ainda tem esperança nas pessoas, na solidariedade e na liberdade.

Vinícius Torresan

É estudante de Jornalismo na Universidade Federal do Paraná e apaixonado pela cultura popular brasileira. É movimentado pela necessidade de mudar o mundo e as pessoas e acredita que isso faz a vida valer a pena.

Paulo Vitor da Silveira

Graduando de Ciências Sociais pela UFPR. Pesquisa os aspectos sociais que configuram os desastres de ordem "natural". Interessado por metodologias voltadas para a criação e transmissão de saberes voltados para a emancipação intelectual de caráter reflexivo dos indivíduos. No Laboratório de Cultura Digital exerce a função de bolsista na área de Ciências Humanas.

Michele Torinelli

Comunicadora e caminhante, dedicada à construção de um mundo melhor, apaixonada pela vida e pela poesia. Atualmente tocando o projeto Vida Boa - andarilhança por experiências de Bem Viver - http://vidaboa.redelivre.org.br/.

Ana Lopes

Educadora, artista plástica, fotógrafa, produtora e o que mais a fizer vibrar. Apaixonada pelas coisas belas da humanidade. Gosta de fazer acontecer projetos nos quais acredita. "Se, na verdade, não estou no mundo para simplesmente a ele me adaptar, mas para transformá-lo; se não é possível mudá-lo sem um certo sonho ou projeto de mundo, devo usar toda possibilidade que tenha para não apenas falar de minha utopia, mas participar de práticas com ela coerentes." Paulo Freire

Julia Basso

Produtora cultural, ariana e arte-educadora, desde 2007 realiza ações voltadas à valorização e difusão de trabalhos com foco em cultura popular brasileira com a empresa Fuá Produções. Formada em Ciências Sociais pela UFPR sua pesquisa é na área de Antropologia da Performance, especificamente sobre o pré-carnaval curitibano. É integrante do Coletivo Soylocoporti e coordenadora de produção do Lab Cultura Digital.

Beatriz Moreira

É produtora, gosta muito de brincar de fotografia, ler, caminhar e ver bons filmes. Também gosta do sincretismo artístico entre a cultura tradicional, popular e urbana. É comunicadora e tem experiências com produção de conferências. Atualmente, escuta muito afrobeat e tem o coração amarelo. "De tanto andar una región que no figuraba en los libros me acostumbré a las tierras tercas en que nadie me preguntaba si me gustaban las lechugas o si prefería la menta que devoran los elefantes. Y de tanto no responder tengo el corazón amarillo." Neruda

Marilê Bravo

Julia Dias

É estudante de Ciências Sociais na UFPR. Vive em movimento, dança desde que se conhece por gente, viaja sempre que pode! Trabalhou em alguns festivais de cinema, é apaixonada por cultura popular e pela possibilidade de conhecer pessoas e lugares diversos.

Maria Teresa de Mello Magnabosco

Estudante de Farmácia na UFPR, estuda o folclore do Maracatu de Baque Virado desde 2006 e é cantora profissional de chuveiro. Andar de bicicleta, tomar banho de rio e um bom video-game fazem parte do seu tempo livre! No Laboratório atua como assistente de produção.

Besna Yacovenco

Quer mate (Chimarrão uruguaio)? Brasiguaya - rioplatense - latinocaribeña, estuda Ciência Política e Sociologia - Sociedade, Estado e Política na America Latina na UNILA - Foz do Iguaçu PR. Membro da Secretaria Técnica Pro-tempore da Cultura Viva Comunitária para América Latina no Grupo de trabalho de Universidades. No Lab faz parte da Coordenação Executiva. Mas o que pondera sua vida é a luta por um... “MUNDO donde QUEPAN muchos MUNDOS” - EZLN

Ellen da Silva

Sou graduanda em Ciências Sociais, nesse curso fui bolsista de Iniciação Científica, voluntária do Programa de Ensino Tutorial (PET) e do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação a Docência (PIBID). Atualmente sou bolsista do Laboratório de Cultura Digital. Pesquiso a trajetória e valores democráticos das Elites Politicas do Brasil e Uruguai. Meu oxigênio é viajar. Sou fascinada pelas cores, sons, texturas e sabores da América Latina.

Giovana Logullo

Anelise Montañes

Ana Maria Palma Palma

Colombiana, cientista politica, feminista, mestre em sociologia e observadora da vida. Acredito nas pessoas, nos sonhos, e nos projectos colectivos, sendo impossíveis os projectos totalmente individuais. Minha experiência profissional sempre se deu em projectos que nascerem de sonhos e que bem gestionados, acontecerem em forma de politicas publicas e programas de cooperação internacional. Minha pesquisa académica foi a de analisar representações de género nos produtos mediáticos, nela sempre priorizei o potencial emancipatório do povo latino-americano a través das suas narrativas e da sua visão do mundo. No LAB minha função é de colaboradora de pesquisa, assim como de tradutora espanhol-português-espanhol.

Mariana Dutra

Graduanda em Ciências Sociais na UFPR, desenvolvendo pesquisa na área de Políticas Públicas. Militante dos movimentos sociais populares, e no Lab está junto com a Coordenação de Cultura Digital.

Mariana Parmigiani

Douglas Silvestre

Acadêmico do curso de Pedagogia da UFPR, pesquisa na área de políticas educacionais, bem como se interessa por temas relacionados à organização e planejamento pedagógico em espaços educativos. Militante do "Levante Popular da Juventude" e do movimento estudantil na UFPR, busca aproximar-se cada vez mais das camadas populares, defendendo políticas e projetos que se aproximem e contribuam com a construção da sociedade, atingindo assim a ampla felicidade e liberdade de todos/as cidadãos/ãs da Terra. No Laboratório, faz parte da Coordenação de Cultura Digital.

Danielle Oliveira

Estudante de Geografia na UFPR, participa do Coletivo Enconttra (Coletivo de Estudos pela Terra e pelo Território) e estuda Educação do Campo para Povos e Comunidades Tradicionais. É apaixonada pela diversidade da Cultura Latino Americana e como a mesma se configura enquanto re-existência no território, possibilitando a construção de um mundo diferente (a partir da solidariedade, das experiências e dos saberes populares).

Daniel Tyszka Junior

Graduando em Estatística pela UFPR, ocupa seu tempo analisando dados alheios.

Daiane Kock

Parte da equipe administrativo e Financeiro do Laboratório de Cultura Digital. Cursa pedagogia na UFPR, blogueira, ativista pela causa das pessoas com deficiência. Apaixonada por arte e cultura popular.

Bruna Rodrigo de Lima

Estudante de Pedagogia na UFPR, atua na área Administrativa e Financeira do projeto. Acredita que a juventude que ousa lutar constrói o poder popular!

Jacson

Apaixonado por tecnologia, grande entusiasta da democracia online, software livre e sistemas colaborativos.

Eduardo Zulian

Desenvolvedor web e voluntário na comunidade brasileira de WordPress, é responsável, dentro do Lab, por criar e lapidar ferramentas que propiciem o empoderamento. Interessado em democracia digital, adepto da bicicleta e da compostagem caseira, partilha da visão de Edith Sitwell: "Meus passatempos favoritos são ler, escutar música e silêncio".

Thalita Sejanes

Divide seu tempo entre as artes visuais, design e educação. No Lab é responsável pela construção de temas e oficinas de formação em wordpress.

Henrique Menegale

Estudante de Publicidade e Propaganda na Universidade Federal do Paraná, atua como designer web no Lab.

Marco Antônio Konopack

Formado em administração pela UFPR em 2006 e atualmente mestrando em Ciência Política, também pela UFPR. É programador web, e também de stand alone apps, desde criancinha. Costuma-se dizer que se ele tiver uma caixa de fósforos e um clips, ele consegue fazer um sistema PDV em 10 minutos. Seu primeiro emprego como programador foi aos 16 anos na revista VendaMais. Também foi programador do Instituto Curitiba de Informática (ICI) e pesquisador visitante do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA) para área de pesquisa de softwares para Telemetria e Georeferenciamento (Projeto RHODES).

Flávio Zavan

Estudante de ciência da computação na Universidade Federal do Paraná. É programador e está envolvido com software livre.

João Paulo Apolinário

Ex-integrante do mundo de exatas na Computação atualmente no novo curso da Universidade de Brasília: Comunicação Organizacional. Humanista secular, faço parte do Partido Pirata do Brasil. No Lab desenvolvo widgets e aplicativos Wordpress.